PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Secretarias de Saúde e Educação se unem para combater hanseníase


A Prefeitura de Águas Lindas por meio das Secretarias de Saúde e de Educação deu início nesta segunda-feira (04) a Campanha de Combate e Prevenção a Hanseníase.
A abertura da campanha aconteceu na Escola Municipal Jardim Santa Lúcia. O evento contou com a presença dos secretários de Saúde Eduardo Rangel, de Educação Silvério Correia, dos vereadores Zezito Moura e Aluísio da Artec, além dos alunos, professores e toda a equipe que compõem a Unidade Básica de Saúde do Jardim Santa Lúcia, coordenada pela enfermeira Glaucia
O secretário de Educação, Silvério Correa, enfatizou a importância da união entre as pastas para cuidar das crianças de Águas Lindas. “Esta é a principal meta de nossa secretaria, cuidar da saúde e do intelecto dos alunos. E esta parceria é primordial para o alcance deste objetivo tão defendido pelo prefeito Hildo do Candango”, completou.
Já o secretario de Saúde, Eduardo Rangel, aproveitou a oportunidade para anunciar aos presentes que o Posto de Saúde do Jardim Santa Lúcia receberá uma reforma para melhorar as condições de trabalho da equipe e melhorar o atendimento à comunidade. Segundo Rangel o projeto já foi autorizado com recursos disponibilizados pelo Ministério da Saúde e em até 80 dias deverá ser dado inicio a esta reforma.
Eduardo Rangel informou que a campanha será de uma semana coordenada pela Vigilância Sanitária e de Endemias com foco no combate a hanseníase e também a verminose. “existem atualmente no município 50 casos confirmados em Águas Lindas, no ano passado havia sido registrado 110 casos, ou seja, houve uma redução de 45% de incidência, o objetivo e zerar este índice, esta é a determinação do prefeito Hildo do Candango”, enfatizou o secretário.
Será disponibilizado em toda rede de ensino um formulário para que os alunos levem para casa e seja respondido por seus responsáveis o que vai nortear o trabalho da equipe de saúde.
Saiba mais
Hanseníase
O que é? Doença infecta contagiosa, crônica de grande importância para a saúde pública devido à sua magnitude e seu alto poder incapacitante Quais os sinais e
Sintomas
Manchas esbranquiçadas, avermelhadas ou amarronzadas em qualquer parte do corpo com perda ou alteração de sensibilidade; Área de pele seca e com falta de suor; Área da pele com queda de pêlos, especialmente nas sobrancelhas; Área da pele com perda ou ausência de sensibilidade; Sensação de formigamento (Parestesias) ou diminuição da sensibilidade ao calor, à dor e ao tato. A pessoa se queima ou machuca sem perceber. Dor e sensação de choque, fisgadas e agulhadas ao longo dos nervos dos braços e das pernas, inchaço de mãos e pés. Diminuição da força dos músculos das mãos, pés e face devido à inflamação de nervos, que nesses casos podem estar engrossados e doloridos. Úlceras de pernas e pés. Nódulo (caroços) no corpo, em alguns casos avermelhados e dolorosos. Febre, edemas e dor nas juntas. Entupimento, sangramento, ferida e ressecamento do nariz; Ressecamento nos olhos; Mal estar geral, emagrecimento; Locais com maior predisposição para o surgimento das manchas: mãos, pés, face, costas, nádegas e pernas
Da Assessoria de Imprensa da Prefeitura
Fotos: ASCOM








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas Desenvolvido por Blogger Copyright © 2016

Imagens do modelo de Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas