PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Falta de acordo entre construtora e governo federal paralisa construção do CEMEI no distrito de Girassol

A empresa responsável pela construção do Centro de Educação Infantil, por falta de verba, paralisou as obras, agora, aguarda repasse do governo federal; prefeito recorreu a deputado federal para tentar solucionar o problema

A construção do Centro de Ensino Municipal de Educação Infantil (Cemei) em Itamar I no distrito de Girassol, na cidade de Cocalzinho de Goiás, não pode ser concluída por falta de recursos. A empresa que ganhou a licitação e toca a obra desde o início, alega que está à espera do repasse de verba feito pelo governo federal.
Por sua vez, o governo federal disse que é impossível transferir o dinheiro para a empresa, sendo que, primeiro, é preciso que seja entregue a obra construída. Com falta de recurso da empresa para construir, o centro de educação infantil fica inconcluso.  
“O Governo Federal entende que ao liberar qualquer parcela previamente estará financiando a obra por parte da Empresa responsável o que dificultaria a fiscalização da obra. E, portanto, somente poderia ocorrer a liberação após a construção das etapas definidas no projeto”, informa a Prefeitura de Cocalzinho.
Prefeito
Diante da situação, o prefeito de Cocalzinho, Alair Ribeiro (PR), foi até a Câmara dos Deputados, em Brasília (DF), para ao deputado federal Rubens Otoni (PT-GO) que interceda junto ao governo federal, no sentido de fazer com que a verba seja liberada a empresa, para que esta pudesse terminar a obra no início de 2016, conforme a previsão inicial.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas Desenvolvido por Blogger Copyright © 2016

Imagens do modelo de Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas