PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Guerra sem trégua com o mosquito contra o mosquito Aedes aegypti

O município de Águas Lindas de Goiás também está em estado de alerta contra a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor do vírus da dengue, chikungunya e do vírus da zika.
O setor de Chácaras Padre Lucio recebeu servidores da secretaria municipal de saúde vinculados a Vigilância Endêmica, secretaria de obras e serviços urbanos e secretaria de educação que percorreram cada imóvel da localidade conversando com moradores, realizando a vistoria e o recolhimento de matérias que podem servir de criadouro do mosquito.


Logo após participar da solenidade que marca a mobilização nacional, ação denominada “Zika Zero” na cidade satélite de Brazlândia onde teve a presença do Governador em exercício Renato Santana, do deputado federal Rogério entre outras autoridades se deslocou para o povoado onde coordenou a ação pessoalmente.
“Esta ação deve ter a participação de todos para que possamos eliminar o risco de epidemia. Os nossos agentes nos relatam que a quantidade de imóveis abandonados dificultam a ação. Onde pudemos ter acesso e conversar com moradores encontramos muitos materiais que possivelmente se tornariam um criadouro. Todo o material está sendo recolhido e encaminhados para o aterro sanitário. E extremamente importante que toda a população tome ciência do risco. Os locais de incidência de criadouros em sua maioria é no interior dos imóveis”, disse o prefeito Hildo do Candango.
Outras ações como esta serão realizadas em outros pontos do município, principalmente nas regiões limítrofes com o DF e Santo Antônio do Descoberto. O secretario de Saúde Eduardo Rangel destaca que a equipe está equipada e motivada para realizar as ações necessárias para impedir o avanço da proliferação do mosquito e afastar o período de um epidemia no município, “Estamos atentos e todos os caso que recebem uma atenção especial onde é realizado o bloqueio pela coordenação de vigilância endêmica. “Mas é primordial a participação da comunidade realizando a vistoria em suas residências e evitando também o descarte de lixo em localidades inadequadas. Precisamos estar vigilantes”, pontua o secretário.
Em novembro do ano passado, o governo federal declarou estado de emergência em saúde pública devido ao aumento no Nordeste dos casos de microcefalia, quadro em que os bebês nascem com o cérebro menor do que o esperado e que pode comprometer o desenvolvimento da criança.




As causas exatas do surto no Brasil ainda estão sendo investigadas, mas há fortes evidências de que o zika vírus tenha relação com o surto.
Zika
O vírus da zika é transmitido especialmente por mosquitos infectados, principalmente o mosquito da dengue, o Aedes aegypti. A maioria das pessoas não tem sintomas mas, quando surgem, são principalmente erupções na pele, olhos vermelhos e dores no corpo. Eles desaparecem em até uma semana, em geral.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas Desenvolvido por Blogger Copyright © 2016

Imagens do modelo de Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas