PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Vacinação contra gripe começa em todo Estado


Em Goiás, a população de 79 municípios já recebeu parte das vacinas e novos lotes vão continuar chegando até o dia 15 de maio. Até o momento, já foram recebidas 396.600 doses
 Da redação do JAL

Desde segunda-feira, dia 18, um total de 289 mil e 600 doses da vacina contra a influenza está chegando a mais 167 municípios goianos, completando os municípios, uma vez que a vacinação foi antecipada no dia 12, em  79 cidades. Até o dia 20 de maio, final da campanha, Goiás receberá  1,6 milhão de doses para serem aplicadas nos grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde.
Fazem parte do grupo que precisa ser imunizado com prioridade pessoas com 60 anos ou mais, crianças de seis meses a menos de 5 anos, gestantes, puérperas (mulheres que deram à luz em até 45 dias), indígenas e profissionais de saúde.
Esses grupos são mais suscetíveis a desenvolverem complicações da gripe. Das mortes registradas em Goiás este ano, 78% eram de pessoas que estavam no grupo de risco e que não haviam sido vacinadas. Até o boletim do dia 12 último, divulgado pela Secretaria da Saúde de Goiás, nove mortes foram registradas por H1N1, sendo sete de pessoas dos grupos de risco.
“É primordial que os gestores municipais cumpram a determinação do Ministério da Saúde para aplicar as vacinas somente em quem faz parte do grupo prioritário. Isso porque essas pessoas são mais frágeis e podem vir a óbito se contraírem a doença”, salienta a gerente de Imunizações e Rede de Frio da Secretaria da Saúde, Clécia Vecci. Pessoas saudáveis, fora do grupo de risco, podem ser infectadas pelo vírus, mas o organismo delas possui maior resistência para combater a doença, desde que sejam tratadas adequadamente.
Números
Desde o início do ano até o dia 12/04, foram notificados 157 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Esses dados representam um aumento de 61,86% do número de casos e um aumento de 137,5% dos óbitos por SRAG em relação ao ano anterior. Dos 157 casos de SRAG residentes em Goiás foram registrados como: SRAG não especificada (51 casos), SRAG por outros vírus respiratórios (4 casos), SRAG por outros agentes etiológicos com (2), SRAG por influenza com 46 casos (destes 42 casos por H1N1 com 9 mortes) e ainda estão sob investigação 54 notificações.
 Vários municípios já receberam parte das vacinas e novos lotes vão continuar chegando até o dia 15 de maio. Até o momento, já foram recebidas 396.600 doses.


Fonte: Goiás Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas Desenvolvido por Blogger Copyright © 2016

Imagens do modelo de Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas