PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Crescimento econômico tornou Goiás reconhecido no Brasil e no exterior", afirma Marconi

O governador Marconi Perillo afirmou nesta segunda-feira (16/5), após participar de reuniões e do encerramento do pregão da Bolsa de Valores de Nova York, que o aumento da participação de Goiás em eventos internacionais é resultado do reconhecimento do avanço administrativo e econômico do Estado nos últimos anos. Marconi esteve na Bolsa de Valores de York ao lado do ex-presidente do Banco Central do Brasil, Armínio Fraga, principal palestrante do 5.º World Economy and Brazil.



Da Redação JAL

"Goiás tem hoje um prestígio muito grande fora do Brasil graças ao trabalho que estamos fazendo para organizar as finanças, impulsionar o desenvolvimento do Estado, e principalmente graças ao fato de Goiás ter crescido, nos últimos 16 anos, 10 vezes", afirmou Marconi, em referência ao crescimento do Produto Interno Bruto do Estado entre 1999 e o ano passado – de R$ 17,4 bilhões para R$ 160 bilhões. "Por tudo que Goiás representa hoje em termos de avanços tecnológicos e da gestão, nosso Estado é reconhecido e convidado para um evento tão emblemático como esse aqui", afirmou o governador, em referência à agenda da Missão Comercial do Governo de Goiás nos Estados Unidos.

Entre as áreas em que o Governo de Goiás vem apostando para impulsionar o crescimento da economia, o governador citou a política de incentivos fiscais, a modernização da gestão, a inovação e a competitividade. "São políticas de governo formuladas em sintonia com o setor produtivo, trabalhadores e empresários, com foco na geração de emprego e renda", disse o governador. Os compromissos da Missão Comercial começaram nesta segunda-feira e se estendem até a próxima quarta-feira, dia 18 de maio.

Nesta terlça-feira (17 de maio), Marconi participa de conferência promovida pelo Banco BTG. Na quarta-feira, o governador apresenta as potencialidades econômicas de Goiás no Lide Business e participa da Conferência do Açúcar e do Etanol, evento anual que discute os investimentos e as políticas públicas voltadas para o setor. Nesta segunda-feira, mais cedo, o governador esteve no 5º World Economy and Brazil, onde afirmou que o Brasil precisa fazer as reformas estruturantes necessárias à retomada do crescimento.

As reformas também foram o ponto central das apresentações de todos os palestrantes. “Perdemos 14 anos no Brasil sem reformas. É preciso reconquistar esse espaço perdido focando para valer, priorizando para valer e buscando consenso em relação a essas reformas", afirmou Marconi após o evento, em entrevista à imprensa. As reformas estruturantes são sempre muito difíceis, polêmicas, mas absolutamente necessárias. Sem passar por elas o Brasil não vai conseguir chegar a esse patamar de prosperidade que nós desejamos”, disse o governador.

O debate foi feito entre o fundador da Gávea Investimentos e ex-presidente do Banco Central do Brasil, Arminio Fraga; o Diretor do Centro de Economia Mundial da Fundação Getúlio Vargas e ex-presidente do Banco Central do Brasil, Carlos Geraldo Langoni, e o diretor e economista do Banco Bradesco, Octavio de Barros.

O governador lembrou ainda que os palestrantes reconheceram a importância do agronegócio para a economia brasileira, e que é preciso fortalecê-lo. “Todos são unânimes em dizer que se desperdiça muito dinheiro no Brasil por falta de planejamento, por falta de bons projetos e por conta da falta de foco na gestão”, frisou. Ele informou que está, junto à sua comitiva, conversando com investidores fortíssimos, tanto do Brasil quanto dos Estados Unidos, que são potenciais industriais do futuro em Goiás.
Fonte : emaisgoias.com.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas Desenvolvido por Blogger Copyright © 2016

Imagens do modelo de Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas