PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Caso Jéssica Leite, polícia interroga suspeitos e busca informações



Da redação JAL
Fotos: Divulgação

Na noite de ontem (15/06), o casal suspeito de matar a estudante Jéssica Leite, estudante de jornalismo, 20 anos, deixou a 17ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Norte) em uma viatura, após interrogatório. Os suspeitos foram presos durante a noite em um quiosque onde moram, entre a QNL e M Norte, onde foi encontrada uma faca, que passará por perícia para identificar se ela foi usada no assassinato


Eles negaram a autoria do crime, mas a polícia disse que as características são semelhantes às descritas por testemunhas. Uma delas, no entanto, não os reconheceu. Mais cedo, a Polícia Civil revelou que encontrou maconha, LSD e uma balança de precisão na mochila da jovem, assassinada com uma facada no peito na tarde de terça-feira, em Taguatinga. Com esse fato, a corporação acredita que possa estar lidando com algo mais sério.

No momento do crime, a estudante estava indo para a faculdade e, por algum motivo, mudou o caminho.


Homicídio ou Latrocínio?

Durante coletiva realizada, na manhã desta quarta-feira (15), a Polícia Civil chegou a lançar a possibilidade de o crime ter sido um homicídio, e não um latrocínio (roubo seguido de morte), uma vez que a vítima foi atingida por uma única facada em um ponto vital e, após a ação, o criminoso fugiu apenas com o celular de Jéssica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas Desenvolvido por Blogger Copyright © 2016

Imagens do modelo de Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas