PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Riacho Fundo: Homem mata esposa e revela depoimento chocante do assassinato


Da redação JAL
Foto: Divulgação

A Polícia Civil registrou, na última sexta-feira (24), mais um caso de homicídio no Distrito Federal. Maria Moreira de 36 anos foi encontrada morta no banheiro da própria residência, localizada na QN 08 do Riacho Fundo II.

A PM informou que Maria teria sido esfaqueada após uma discussão com seu marido. Depois do crime, por volta das 2h, o suspeito foi até a casa de uma prima, em Santa Maria, contar o que havia feito e fugiu em seguida.

O suspeito de matar a própria esposa a facadas, Clebson Moreira, de 37 anos, se apresentou ontem na 29ª Delegacia de Polícia, no Riacho Fundo I, e confessou o crime. Ele foi acompanhado de um advogado e familiares.

Depoimento Chocante

Em depoimento, Clebson afirmou que no dia do crime os dois haviam discutido. “Eu estava no trabalho e liguei para Maria para combinar que faríamos mercado juntos. Quando cheguei em casa, ela já tinha feito toda a compra sozinha e isso me deixou indignado. A partir daí, começamos a brigar”, informou.

Após a discussão, Maria correu para o banheiro, a fim de fugir do marido, e aproveitou para tomar banho. Ainda segundo o suspeito, ele trancou o filho em um cômodo da casa, buscou uma faca na cozinha e seguiu para o banheiro para tirar a vida da esposa. “Fiquei batendo na porta do banheiro até ela abrir. Quando Maria abriu, comecei a esfaqueá-la no pescoço. Só parei quando ela desmaiou e deixei a faca cravada no pescoço dela”, detalhou.

Ainda segundo Clebson, as brigas entre os dois eram constantes. “Nós brigávamos sempre porque a Maria não aceitava que eu ingerisse bebidas alcoólicas. Geralmente, as discussões ocorriam aos fins de semana, quando eu tomava umas pingas”, revelou. O suspeito disse, ainda, que há três meses passou a desconfiar da fidelidade da esposa. “Comecei a pegar umas mensagens no celular dela e como ela não tinha um horário fixo para sair do trabalho, fiquei mais grilado ainda. Mesmo assim resolvemos continuar juntos”, desabafou.

Com informações do Jornal de Brasília

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas Desenvolvido por Blogger Copyright © 2016

Imagens do modelo de Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas