PLANTÃO DE NOTÍCIAS

CPI do Viaduto está caindo

GDF negocia nos bastidores a retirada de mais duas assinaturas e trava instalação da comissão



ais dois deputados distritais retiram assinaturas para a criação da CPI do Patrimônio Público, proposta a partir da queda do viaduto da Galeria dos Estados. Chico Vigilante (PT) e Robério Negreiros (PSDB) apresentaram requerimento para retirada. Desta forma, a comissão proposta pela deputada Celina Leão (PPS) está travada antes mesmo de começar os trabalhos, pois necessita da adesão de pelo menos 8 parlamentares. Até o momento, porém, a proposta conta com apenas 6.

Inicialmente, a CPI seria aberta com as assinaturas de Celina, Vigilante, Negreiros, Wellington Luiz (MDB), Raimundo Ribeiro (PPS), Juarezão (PSB), Bispo Renato (PR), Ricardo Vale (PT) e o presidente da Câmara, Joe Valle (PDT). Juarezão, Renato e Ricardo desistiram da comissão, mas Celina havia conseguido duas novas assinaturas para assegurar a instalação: Wasny de Roure (PT) e Cláudio Abrantes, sem partido.
Extraoficialmente, o Palácio do Buriti está buscando esvaziar a CPI, que tem potencial para atrapalhar o projeto de reeleição do governador Rollemberg (PSB), movimento negado por representantes do Executivo na Câmara.

Fonte: JBr / Jornal Águas Lindas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas gerenciado pela agencia Marck Publicidade Copyright © 2018

Imagens de tema por Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas