PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Prefeitura de Águas Lindas realiza evento em prol do Dia da Luta Antimanicomial



Na manhã desta quarta-feira (16), em parceria com a sala de cinema do Multicine, a Prefeitura de Águas Lindas por meio da Secretaria Municipal de Saúde e o Sistema Municipal de Saúde Mental composto pelo Centro de Atenção Psicossocial – CAPS Reviver e a Policlínica realizaram a exibição do filme “Nise o coração da loucura”.

O filme relata a luta de uma psiquiatra nos anos 1950, contrária aos tratamentos convencionais de esquizofrenia da época é isolada pelos outros médicos. Ela então assume o setor de terapia ocupacional, onde inicia uma nova forma de lidar com os pacientes, pelo amor e a arte.

O vice-prefeito Luiz Alberto Jiribita prestigiou o evento que contou com a participação de usuários do sistema de saúde, Serviço de Convivência do Idoso, parentes e amigos convidados. "Eu trago a mensagem do prefeito Hildo do Candango no sentido de parabenizar a toda equipe do CAPS reviver que realiza o atendimento a nossa população sobre a ótica da humanização e amor ao próximo. Parabéns a todos pelo evento, na certeza que isto é uma luta de todos”, disse Luiz Alberto.

O secretário de Saúde, Eduardo Rangel, enalteceu o trabalho desenvolvido pela equipe da unidade que é coordenada pela enfermeira Kelly Soares. “Somos conhecedores do trabalho desenvolvido e a dedicação de cada componente, que mesmo diante de tantas dificuldades atendem com muito carinho os pacientes que buscam auxílio. A unidade está instalada num imóvel alugado, mais estamos trabalhando para conseguir uma emenda parlamentar para a construção da sede própria, atendendo todas as necessidades de forma padronizada”, informou o secretário.

A enfermeira Kelly Soares, coordenadora do CAPS Reviver, informou que atualmente mais de duas mil pessoas são atendidas pela Policlínica, que compõe a Rede Municipal de Saúde Mental para atendimentos ambulatórias, e no CAPS cerca de 200 pessoas participam de atividades que visam a sua recuperação mental e reinserção na sociedade. “Este evento marca a luta pela assistência psiquiátrica antimanicomial, esta data é marcada no próximo dia 18 de maio. Agradecemos o apoio da secretaria, da prefeitura, da Multicine Cinemas que nos cedeu a sala para exibição do filme e também ao vereador Zé da Imperial pelo apoio”, falou a enfermeira.

Em 2001, a Lei 10.216 foi promulgada, conhecida como Lei Antimanicomial, dispondo sobre “a proteção e os direitos das pessoas portadoras de transtornos mentais e redireciona o modelo assistencial em saúde mental”. Mesmo não constando a expressão de “extinção progressiva dos manicômios”, do projeto original, a lei de 2001 se fundamenta nos direitos, específicos e difusos, e na cidadania plena dos pacientes, determinando,

preferencialmente, os serviços comunitários de saúde mental, bem como a internação, em qualquer de suas modalidades, somente quando os recursos extra-hospitalares se mostrarem insuficientes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas gerenciado pela agencia Marck Publicidade Copyright © 2018

Imagens de tema por Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas