PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Segunda caixa preta de acidente aéreo fatal em Cuba é encontrada


As duas caixas pretas são cruciais para explicar o que aconteceu com o avião que caiu após decolar do Aeroporto Internacional José Martí em Havana



quipes de resgate cubanas recuperaram segunda caixa preta de avião de passageiros que caiu na sexta-feira passada (18), matando 111 das 113 pessoas a bordo, anunciou a televisão estatal de Cuba no noticiário noturno da quinta-feira (24).

As equipes já haviam encontrado caixa preta da cabine. Vídeos da tragédia feitos por viajantes e moradores, além de seus depoimentos, ajudaram os investigadores a encontrarem o segundo gravador.

O Boeing 737, arrendado pela pouco conhecida empresa mexicana Damojh à principal companhia aérea de Cuba, a Cubana, seguia para Holguin, cidade do leste do país. Das vítimas, 100 eram cubanas.

Sete mexicanos, dois argentinos e dois saarauis de uma área disputada do Saara Ocidental conhecida como República Árabe Saaraui Democrática também morreram no acidente.

Cuba está liderando a investigação sobre o acidente, um dos piores da história da ilha caribenha, juntamente com investigadores mexicanos e norte-americanos.

Só duas cubanas sobreviveram, mas estão em estado grave devido a queimaduras e outros traumatismos, disse o diretor do hospital onde estão internadas.

Na segunda-feira a autoridade de aviação civil do México informou ter suspendido temporariamente as operações da Damojh para averiguar se ela cumpre os regulamentos e coletar informações que ajudem os investigadores a descobrirem o motivo da queda.

Queixas anteriores sobre manutenção inadequada e medidas de segurança vieram à tona nos últimos dias.

Fonte: R7/Jornal Águas Lindas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas gerenciado pela agencia Marck Publicidade Copyright © 2018

Imagens de tema por Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas