PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Movimentos populares realizam greve de fome pela liberdade de Lula


De acordo com Jaime Amorim, da direção do MST, trata-se de um ato extremo diante de um cenário de carestia do povo brasileiro


ilitantes de movimentos sociais de vários estados brasileiros se unirão em Brasília (DF) em greve de fome como forma de protesto político em favor da liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Os integrantes desses grupos – a exemplo do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) e Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) – realizam coletiva de imprensa, nesta segunda-feira (30/7), às 15h, para anunciar o início do ato. De acordo com Jaime Amorim, da direção do MST, trata-se de um ato extremo, diante de um cenário de carestia do povo brasileiro.

“O golpe promovido por setores do Parlamento, do Judiciário e até mesmo da mídia trouxe de volta a miséria para o nosso país. As reformas promovidas são oriundas de um projeto não eleito e ainda querem tirar o direito do povo brasileiro de escolher o seu próprio presidente. Lula é um preso político e qualquer impedimento de sua candidatura se configura como medida autoritária contra a soberania popular”, disse Amorim. O protesto terá início nesta terça-feira (31), em local a ser confirmado. A greve de fome é por tempo indeterminado.

Fonte: Metrópoles/Jornal Águas Lindas




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas gerenciado pela agencia Marck Publicidade Copyright © 2018

Imagens de tema por Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas