PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Procurador do MPF “rasgou véu e perdeu o pudor” diz Defesa de Marconi sobre Cash Delivery.

Advogado reforça que ex-governador não teme enfrentamento dos fatos e tem absoluta confiança na sua inocência.

Resultado de imagem para Marconi perillo



A defesa do ex-governador Marconi Perillo (PSDB) se pronunciou por meio de nota para repudiar e manifestar sua “indignação” com a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF). Segundo o documento, “não tem a defesa nenhuma preocupação com os fatos constantes na peça subscrita pelo procurador Hélio Telho”. E completou: “A apresentação desta denúncia é a comprovação da parcialidade e da perseguição que este procurador promove há anos contra o ex-governador”.


A defesa destaca ainda que em “inúmeras” circunstâncias esta perseguição ficou clara “como no episódio das providências contra o então candidato ao Senado com claríssimas intenções eleitorais”.  “A defesa sempre se absteve de qualquer enfrentamento mais duro em respeito à instituição do Ministério Público. Ocorre agora que o procurador rasgou o véu e perdeu o pudor”, disparou.

Segue, na íntegra, os argumentos utilizados pela defesa para sustentar a afirmação:

O Exmo. Dr. Leão Aparecido Alves, Juiz Titular da 11ª Vara Federal de Goiânia, em 23 de maio, declinou da competência da Justiça Federal, no caso concreto, e determinou que o processo fosse encaminhado à Justiça Eleitoral, cumprindo decisão do Supremo Tribunal Federal. O processo foi ao Ministério Público para simples ciência e deveria ser encaminhado à Justiça Eleitoral para a manifestação do digno Juiz Eleitoral. Intempestiva e atrevidamente, o Dr. Procurador, inconformado, não querendo abrir mão do processo, como se isto fosse possível, apresenta Denúncia SEM TER COMPETÊNCIA para tal. Um desafio e um desrespeito à sua Excelência, o Juiz Titular, que já havia despachado declinando a competência. Um desserviço ao Poder Judiciário e um ato que não reflete a postura sempre digna e sensata da instituição do Ministério Público Federal. Quer a Defesa grisar, mais uma vez, que o ex-Governador não teme o enfrentamento dos fatos e tem absoluta confiança na sua total inocência, mas tem que responder frente ao Juízo competente. Em respeito ao Judiciário não teceremos nenhum comentário sobre o mérito, por entender que há uma clara usurpação de competência e abuso de poder e, mais uma vez, uma odiosa perseguição que deve ser apurada com a devida responsabilização. A Defesa ressalta a absoluta confiança na instituição do Ministério Público e no Poder Judiciário.

Defesa do ex-governador Marconi Perillo

Fonte: Jornal Opção 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Jornal Águas Lindas gerenciado pela agencia Marck Publicidade Copyright © 2018

Imagens de tema por Bim. Tecnologia do Blogger.
Publicado Por Jornal Águas Lindas